Trilha Empreendedora

A Trilha Empreendedora é um projeto que prevê a aplicação de uma sequência de programas da Junior Achievement dentro do currículo do ensino médio de escolas da rede estadual do Rio de Janeiro. Em 2019, a Trilha continuará atendendo 24 escolas de 10 municípios do estado e, diferente dos outros anos, também chegará aos alunos do 3º ano do ensino médio. Veja abaixo:

 

Como funciona a Trilha?

Os professores aplicam os programas em sala de aula com apoio de voluntários das empresas parceiras. A Junior Achievement oferece a metodologia e o material didático dos alunos e mentores e realiza a capacitação de professores e voluntários.

O projeto começou em 2017, com aplicação de dois programas para mais de 1400 alunos, e participação de 86 voluntários das empresas parceiras.

 

Devido ao sucesso, em 2018 a Trilha se estendeu para seis programas e impactou 2541 alunos – o dobro em relação ao primeiro ano.

 

Qual a relação de municípios beneficiados em 2019?

 

Como o projeto foi viabilizado?

A Trilha Empreendedora é uma parceria com a SEEDUC – Secretaria de Estado de Educação – e foi viabilizada graças ao investimento e a participação de voluntários de empresas do setor de óleo e gás e do IBP, em uma iniciativa da Comissão de Responsabilidade Social do Setor.

Este projeto contribui com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU (ODS)

 

Galeria de fotos

2017

2018

 

Depoimentos sobre voluntariado

“Muito gratificante saber que podemos, de alguma forma, influenciar positivamente outras pessoas. E que podemos fazer alguma diferença nesse mundo tão complicado, onde as pessoas estão cada vez mais superficiais, onde os valores estão indo embora e o egocentrismo tem tomado conta de muitos”.

Elisabete Lopes de Oliveira – IBP.

“Podemos transformar muita coisa em nossa volta através de oportunidades na educação, na vida. Me senti mais engajado na empresa, pois acredito nas ações que ela propõe, junto com os institutos na qual é parceira”.

Marcilio Calado – Wilson Sons.

“Excelente. Eles motivaram os alunos em todos os momentos do Projeto. Foram responsáveis com seus testemunhos mostrando aos discentes que é necessário estudar para atingir seus objetivos.”

Walber Gomes da Silva – Colégio Estadual Jorge Zarur.

“Os voluntários estavam extremamente dispostos a dialogar, sanar dúvidas e envolvidos com o projeto”.

Cristiene Marques Raphael – CIEP Brizolão 323 – Maria Werneck de Castro.