Alunos participam de Empresário Sombra na última ação voluntária do ano na Shell

No dia do voluntariado internacional (5 de dezembro), cinco jovens do NEXA – Núcleo de Ex-Alunos da Junior Achievement – tiveram a oportunidade de conhecer a rotina de cinco colaboradores da Shell.

Cada voluntário da Shell atuava em uma área diferente e isso proporcionou aos jovens diversas experiências. A Tayra, por exemplo, era da área de Higiene Ocupacional/ Gestão de Riscos a Saúde e foi a voluntária do jovem João Marcos Araújo. “Tive que me preparar para mostrar a rotina de um dia de trabalho de forma a motivar o João. Ver seu interesse demonstrado através de perguntas ou de sua participação nas discussões me indicou que esse dia fará a diferença em seu futuro e em sua tomada de decisões”, disse Tayra.

E não foi só o João que aproveitou, o aluno Felipe Pêpe, melhor achiever do Miniempresa em 2016, vivenciou toda a experiência do projeto sendo o sombra de Ygor Porto, que coincidentemente foi o voluntário de sua Miniempresa ano passado. “Gostaria de agradecer ao Ygor por se voluntariar, foi ótimo aprender sobre a Shell, seu modo de funcionamento e quero reencontrá-lo mais vezes nesse mundo do empreendedorismo”, comentou Pêpe.

Todos tiveram a oportunidade de vivenciar reuniões, negociações, acompanhamento de processos, análise e desenvolvimento de relatórios, entre outras atividades.

Confira outros depoimentos:

“Foi um prazer fazer parte do time de voluntários, especialmente hoje, por ter sido na escola que passei saudosos quatro anos da minha adolescência. Estudei na Frederico Trotta entre 1991 e 1994, quando cursei todo o antigo ginásio. Essa escola faz parte da minha vida profissional e pessoal, porque lá, além de aprender matemática, português etc, tive a felicidade de iniciar algumas amizades que duram até hoje. Sou padrinho de casamento de um amigo, padrinho da filha de outro e conheci ambos nessa escola. Obrigado pela oportunidade de poder dividir um pouco da minha experiência com esses jovens. Se parte deles absorver pelo menos 10% do que abordamos, já terá valido a pena”. – Wesley Jr, Colaborador da Shell e Voluntário do
Programa “As Vantagens de Permanecer na Escola”.

“Na realidade, eu como voluntária, agradeço a possibilidade da Shell poder trazer este tipo de trabalho junto da JA para dentro da empresa. Muitas vezes no nosso dia a dia queremos participar, mas não temos tempo e esta ação aqui dentro deixa a nossa vida mais fácil. É sempre muito gratificante poder participar destes programas, pois além de me dar uma satisfação pessoal, vejo que consegui cumprir meu objetivo de transformar as pessoas para ter acesso a um mundo melhor do que vivem”. – Marcia Trotte, Colaboradora da Shell e Voluntária do
Programa “As Vantagens de Permanecer na Escola”.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *